Portal Para a Morte

domingo, 4 de janeiro de 2015

"Bússola do Terror"

Este poema foi escrito para meu amigo "Bússola do Terror"

Fiquei feliz com sua visita. 
E para você 
que foi o único 
a me deseja um feliz ano novo 
estou aqui para retribuir tamanho gesto. 
Vem surgindo um novo ano 
e com ele um turbilhão de acontecimentos bons, 
e que você sobressaia com as mais brilhantes ideias, que cada dia seja sequenciado 
de realizações dos sonhos do dia anterior. 
Que a cada raiar do sol 
você consiga brilhar junto com ele. 
Que quando vier a chuva, 
que seja para lavar as impurezas 
que a vida deixa por onde passa.
Quando estiver na escuridão,
naqueles momentos 
que não enxergamos um palmo a frente dos olhos, que seja apenas 
o tempo do repouso dos sentidos do corpo. 
E este momento abençoado 
seja abençoado pela bondade, 
tranquilidade, 
paz, atenção, 
firmeza, sonhos, harmonia,
luz, felicidade, 
e tudo mais que tiver nesta vida. 
Inclusive a tristeza para fortificar o espírito.
Beijos!!!!!    

          Janice Adja 

                   "Plágio é crime e estar no artigo 184 do Código Penal 9610."

quinta-feira, 1 de janeiro de 2015

Necrolatria

           Em 3 de Janeiro de 2013, exatamente dois anos publiquei este poema quando o Facebook era o WhatsApp de hoje.



Necrolatria

Faço hoje a minha necrolatria
aos navegantes deprimidos
destes navegadores virtuais
vulgarmente chamado de "Redes Sociais":
WhatsApp, Facebook, blogger, G+, 
Instagran, Msn, ZenCircle, ... 
entre outros não lembrados no momento.

Lugar não navígero,
onde cada zumbi
cheio de boas intensões
deixa um bombardeio
de mensagens depressivas
e as famosas frases de impacto
pré fabricadas em séries.

Nebulentos,
os nefários vão deixando
mensagens causadoras de terror.
Uma verdadeira lavagem desumana
com frases repetidas desordenadamente pelos:
os bem piedosos,
os bem amáveis,
os bem-nados,
os bem-falantes,
os bem-falados,
os bem-postos,
os bem-ouvidos,
os bem-mal-ouvidos,
uma fileira de b"bem" sem "bens".

Disputa leal
quem sabe desleal
entre os santos ateus e os fideístas!!!

E neste oráculo
de zumbis carnífices
destruidores de realidades,
tento tentar adaptação
nesta liga lancinante
e não consigo.

pois, ...
sou apenas um inseto morto
neste aquário de tubarões.

            Janice Adja

  "Plágio é crime e está no Artigo 184 do Código Penal 9610."